Quatro cavaleiros do Apocalipse

O livro de Apocalipse discorre sobre prelúdio do fim dos  tempos, o julgamento de Deus sobre a humanidade e seu triunfo sobre o mal. O apóstolo João narra a visão do que acontecerá futuramente, porém, iremos focar nos sete selos, ressaltando que os quatro primeiro selos também são conhecidos como os quatro cavaleiros do Apocalipse.


Na antiguidade, os selos era utilizados para fechar as cartas, evitando que fossem lidas por pessoas não autorizadas, eram feitos de cera, sob o qual se comprimia um brasão, normalmente um anel de selar. Aqui o selo é simbolicamente retratado como o plano oculto de Deus a ser revelado.


Primeiramente, João vê um anjo procurando alguém digno para abrir o livro selado com os sete selos e não encontra ninguém, então, João chora, pois não havia ninguém digno de abrir o livro, nem mesmo olhar para ele. Mas, um dos vinte e quatro anciãos diz a João: “Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, venceu para abrir o livro e romper os sete selos.” (Apocalipse 5:1-5)

O Leão da tribo de Judá e a raiz de Davi, acima citado, é Cristo.


Foi então, que João viu Jesus (Cordeiro) no meio do trono com os quatro seres viventes e os vinte e quatro anciãos em volta dEle, e o  Cordeiro que é o único digno de olhar e tocar no livro,  pega o livro e todos que estavam em volta dEle se prostam e o adoram. (Apocalipse 5:6-14)

Então, o Cordeiro (Jesus) começa a abrir os selos e revelar o julgamento que haverá nos fins dos tempos:


Primeiro Selo – O anticristo 

E vi quando o Cordeiro abriu um dos sete selos, e ouvi um dos quatro seres viventes dizer numa voz como de trovão: Vem! Olhei, e eis um cavalo branco; e o que estava montado nele tinha um arco; e foi-lhe dada uma coroa, e saiu vencendo, e para vencer. (Apocalipse 6:1-2)

Nesta primeira visão, o cavalo branco (paz, pureza) com o cavaleiro simboliza o anticristo, representando aquele que virá com discurso amoroso, cativante e com grande poder de persuasão, porém, sua verdadeira intenção é conquistar o mundo.


Segundo Selo – A Guerra

Quando ele abriu o segundo selo, ouvi o segundo ser vivente dizer: Vem! E saiu outro cavalo, um cavalo vermelho; e ao que estava montado nele foi dado que tirasse a paz da terra, de modo que os homens se matassem uns aos outros; e foi-lhe dada uma grande espada. (Apocalipse 6:3-4)

O segundo selo, o cavaleiro vermelho (Guerra, sangue) vem  trazer uma grande batalha sangrenta  para a humanidade, no qual muitos morrerão. Recebe uma grande espada, terá muito derramamento de sangue.


Terceiro selo – A Fome

Quando abriu o terceiro selo, ouvi o terceiro ser vivente dizer: Vem! E olhei, e eis um cavalo preto; e o que estava montado nele tinha uma balança na mão. E ouvi como que uma voz no meio dos quatro seres viventes, que dizia: Um queniz de trigo por um denário, e três quenizes de cevada por um denário; e não danifiques o azeite e o vinho. (Apocalipse 6:5-6)

 

No terceiro selo aberto por Jesus, João vê um cavalo preto (fome ou aflição), serão tempos de grande escassez. O cavaleiro traz consigo uma balança, a representação da crise, um denário era o valor pago por um dia de trabalho, note que é preciso trabalhar um dia inteiro para comprar meio quilo (1 queniz é igual a 1/2 kg) de trigo ou um quilo e meio de cevada, ou seja, terão muito trabalho por pouco dinheiro, marcando a chegada da crise financeira e alimentar, serão  tempos difíceis de grande escassez.


Quarto selo – A Morte

Quando abriu o quarto selo, ouvi a voz do quarto ser vivente dizer: Vem! E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava montado nele chamava-se Morte; e o inferno seguia com ele; e foi-lhe dada autoridade sobre a quarta parte da terra, para matar com a espada, e com a fome, e com a peste, e com as feras da terra. (Apocalipse 6:7-8)

 

No quarto selo, eis que vem o último cavaleiro, o cavalo amarelo (morte), e um quarto da humanidade morrerá por causa das guerras, fome, doenças. E, devido a escassez de comida, inclusive para os animais, eles provavelmente devorarão as pessoas. E, muitos dos que morrerem irão para o inferno.


Quinto selo – Súplica dos mártires por justiça 

Quando abriu o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que tinham sido mortos por causa da palavra de Deus e por causa do testemunho que deram. E clamaram com grande voz, dizendo: Até quando, ó Soberano, santo e verdadeiro, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra? E foram dadas a cada um deles compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda por um pouco de tempo, até que se completasse o número de seus conservos, que haviam de ser mortos, como também eles o foram. (Apocalipse 6:9-11)

 

No quinto selo aberto por Jesus, João viu todas as pessoas que morreram por seguirem e anunciarem a palavra de Deus, pedindo por justiça pela perseguição e morte que sofreram, mas Cristo pediu para que tivessem mais paciência, pois muitos cristão ainda seriam perseguidos e mortos, assim como eles.


Sexto selo – Cataclismo cósmico 

E vi quando abriu o sexto selo, e houve um grande terremoto; e o sol tornou-se negro como saco de cilício, e a lua toda tornou-se como sangue; e as estrelas do céu caíram sobre a terra, como quando a figueira, sacudida por um vento forte, deixa cair os seus figos verdes. E o céu recolheu-se como um livro que se enrola; e todos os montes e ilhas foram removidos dos seus lugares. E os reis da terra, e os grandes, e os chefes militares, e os ricos, e os poderosos, e todo escravo, e todo livre, se esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas; e diziam aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, e escondei-nos da face daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro; porque é vindo o grande dia da ira deles; e quem poderá subsistir? (Apocalipse 6:12-17)

 

Cataclismo cósmico é uma catástrofe ambiental de grandes proporções e haverá grande tribulação é o que revela o sexto selo. E todos saberão que o fim dos tempos está chegando.

João ainda viu que 144 mil pessoas serão seladas e poupadas da destruição, são os remidos de Deus, visão citada também em Ezequiel: “E disse-lhe o Senhor: Passa pelo meio da cidade, pelo meio de Jerusalém, e marca com um sinal as testas dos homens que suspiram e que gemem por causa de todas as abominações que se cometem no meio dela.”  Os cristãos que vencerem a grande tribulação são retratados usando veste brancas diante do trono de Deus e servirão ao Senhor dia e noite no templo. (Apocalipse 7:1-15)


Sétimo selo –  Juízo final

Quando abriu o sétimo selo, fez-se silêncio no céu, quase por meia hora. E vi os sete anjos que estavam em pé diante de Deus, e lhes foram dadas sete trombetas. Veio outro anjo, e pôs-se junto ao altar, tendo um incensário de ouro; e foi-lhe dado muito incenso, para que o oferecesse com as orações de todos os santos sobre o altar de ouro que está diante do trono. E da mão do anjo subiu diante de Deus a fumaça do incenso com as orações dos santos. Depois do anjo tomou o incensário, encheu-o do fogo do altar e o lançou sobre a terra; e houve trovões, vozes, relâmpagos e terremoto. (Apocalipse 8:1-5)

 

Perceba que antes dos acontecimentos, há um período de total silêncio. Habacuque 2:20 e Sofonias 1:7 também chamam atenção para o silêncio:

"Mas o Senhor está no seu santo templo; cale-se diante dele toda a terra; cale-se diante dele toda a terra."

"Cala-te diante do Senhor Deus, porque o dia do Senhor está perto; pois o Senhor tem preparado um sacrifício, e tem santificado os seus convidados."


Silêncio, pois chegou a hora de Deus falar. E, após meia hora de absoluta quietude, as sete trombetas são distribuídas e fará sobrevir a terra desastre de grande proporção e consequência devastadora, e por fim o julgamento final e a vida de Jesus cheio de Glória.


Mesmo diante de todos os fatos que acontecerão e dos que já estão acontecendo, antes do fim dos tempos, muitos não se voltarão para Cristo, estão de coração endurecido, esfriaram na fé ou desistiram na metade do caminho. Por isso queridos, permaneça firme independente de qualquer circunstância, todos tem momentos de fraqueza e desânimo, seja forte e corajoso, segure na mão de Cristo que ele te fortalecerá e te erguerá para continuar a caminha ao lado dEle. A hora está chegando e não demora, então prossiga para que no final possa fazer parte dos 144 mil, os remidos de Deus.


0 Comentários